Conforturis

 
 
 
 
Artigos

As perguntas mais estranhas em entrevistas

Imprimir
questoes

Agora que 2011 já terminou, é tempo de fazer os habituais balanços dos últimos 12 meses. E para evitar os tópicos mais comuns, o site norte-americano Glassdoor, uma comunidade online especializada em questões de emprego, decidiu publicar uma lista com as perguntas mais estranhas feitas em entrevistas de emprego.

Para isso, a Glassdoor analisou cerca de 150 mil questões feitas em entrevistas de emprego de vários setores - partilhadas por utilizadores desta plataforma -, das quais 25 foram consideradas, pelos responsáveis do site, como as mais esquisitas.

No top10 das tecnologias existem exemplos de três grandes empresas. O lugar cimeiro foi atribuído à Google, que perguntou a um candidato “quantas pessoas estão a utilizar o Facebook em São Francisco às 2:30 numa sexta-feira”. Os entrevistadores da Hewlett-Packard (HP), por sua vez, quiseram saber se um candidato à sua empresa sabia a resposta à seguinte pergunta: “se os alemães fossem as pessoas mais altas do mundo, como é que o poderiam provar?”. Destaque ainda para a Amazon, que perguntou a um candidato “como resolveria o problema da fome mundial”.

Entre a restante lista, pode ler-se ainda:

- “Entretenha-me durante 5 minutos, eu não vou falar”, por Acosta;
- “Quarto, secretária ou carro - o que limpava primeiro?”, pela Pinkberry;
- “A vida fascina-o?”, por Ernst Young;
- “Como é que conseguia meter um elefante num frigorífico?”, Horizon Group Properties;
- “Se fosse um super-herói, que poderes escolhia?”, Rain and Hail Insurance.